A FIFA anunciou a distribuição de locais sede para o evento histórico da Copa do Mundo de 2026, que será realizada no Canadá, Estados Unidos e México

Copa do Mundo FIFA de 2026
Copa do Mundo FIFA de 2026 / foto: Getty Images

A  FIFA anunciou como ficará a distribuição das vagas para o mundial de 2026, que conatrá com a participação de 48 seleções e será realizada conjuntamente pelos países sede Canadá, Estados Unidos e México. Pela primeira vez na história do evento, a Copa do Mundo será sediada por três países diferentes simultaneamente.

Pela nova divisão de equipes por Confederação, a Europa (Uefa) que tem 55 seleções filiadas passará a ter 3 vagas a mais em relação à Copa do Qatar; as eliminatórias africanas (CAF), que conta com 54 seleções, acumularão quatro postos além da quantidade atual e ainda disputarão um lugar na repescagem; a Ásia (AFC), que tem 46 seleções membro, também adicionará mais quatro vagas às suas seleções; as América do Norte e Central, com 35 seleções associadas, terão mais três postos para disputarem, além de computadas as três seleções anfitriãs já confirmadas (Canadá, Estados Unidos e México); e a Oceania, com 11 seleções vinculadas, finalmente terá um posto garantido. A Conmebol, com 10 seleções terá direito a duas vagas a mais na sua representação. Assim, a distribuição das vagas por confederação fica como se segue:

 

Confederação Vagas Diretas em 2026
AFC (Ásia) 8
CAF (África) 9
CONCACAF (América do Norte, Central e Caribe) 6
CONMEBOL (América do Sul) 6
OFC (Oceania) 1
UEFA (Europa) 16
Repescagem 2
Total de Seleções 48
 

O Conselho da FIFA também definiu previamente um novo formato de disputas na fase de grupos desta 23ª edição da Copa do Mundo, que, inicialmente, incentiva uma postura mais defensiva ao estilo de jogo para a competição. Porém agora, a organização já especificou que as seleções serão divididas em 12 grupos, cada um com quatro equipes, sendo que as duas melhores de cada chave e as oito melhores terceiras classificadas marcham para a fase seguinte.

Com isso, o formato da etapa de mata-mata também muda. Com 32 times, o que antes começava nas oitavas de final e obrigava os times a fazerem quatro partidas eliminatórias, incluindo o jogo da grande final, agora começará na chamada 16 avos e contará com cinco jogos eliminatórios.

Para realização do evento, foram selecionadas 16 cidades, separadas em três zonas para auxiliar na logística de trânsito dos times participantes da Copa do Mundo 2026, seguindo a seguinte distribuição:

  • Zona Central, composta por:  Atlanta (EUA), Cidade do México (México), Dallas (EUA), Houston (EUA), Cidade do Kansas (EUA) e Monterrey (México);
  • Zona Leste, que contará com as cidades sede: Boston (EUA), Filadélfia (EUA), Miami (EUA), Nova York (EUA) e Toronto (Canadá); e
  • Zona Oeste, formada por: Guadalajara (México), Los Angeles (EUA), São Francisco (EUA), Seattle (EUA) e Vancouver (Canadá).
Estadio-MetLife
Estádio MetLife, em Nova Jersey (EUA), com capacidade para 82.000 espectadores / foto: Richard Cavalleri

Como todas as Confederações terão aberturas mais imediatas para enviar representantes para a Copa, a mudança na contagem de participantes também afetará os formatos das Eliminatórias.

A Fifa ainda não divulgou as datas oficiais para a disputa. Mas é importante destacar que a competição precisará ser realizada em um período maior do que os habituais 31 dias, devido ao aumento do número de times e jogos, que passará a ser de 104 no total.

Compartilhar Facebook Compartilhar WhatsApp Compartilhar Telegram