Os eSports ascenderam, durante as duas últimas décadas, de simples jogos amadores a uma importante indústria altamente tecnológica e extremamente lucrativa

Arena-Esports
Campeonato de League of Legends promovido nos Estados Unidos / foto: Reprodução Riot Games

Os games têm ganhado cada vez mais espaço no mundo dos esportes, principalmente devido à popularização da carreira de jogadores profissionais, os quais são patrocinados por grandes marcas e empresas e dedicam tempo excluisivo à modalidade.

Com o passar dos anos, as competições tornaram-se mais criteriosas e especializadas, com premiações que atingem cifras cada vez mais elevadas. Devido ao grande sucesso, os esports são transmitidos em canais de televisão e por plataformas de streaming, atingindo públicos cada vez maiores e diversificados.

Neste artigo, vamos explorar a meteórica ascensão dos eSports. Então, "aperte start" e junte-se a nós neste fabuloso mundo dos esportes eletrônicos.

Origem e Crescimento dos eSports

Se você é um fã de jogos eletrônicos, provavelmente já ouviu falar sobre os eSports. Eles são competições de jogos digitais para consoles e computadores, que atrai a atenção de um público cada vez maior em todo o mundo.

Os eSports começaram a ganhar popularidade no final dos anos 90, quando os jogos online se tornaram mais acessíveis e a tecnologia permitiu a criação de games mais realistas e dinâmicos.

O sucesso dos eSports é compreensível no mundo atual demasiadamente conectado. Com a internet e os smartphones, os entusiastas podem agora jogar com pessoas de qualquer parte do mundo em tempo real.

Há também de se considerar que os desenvolvedores criaram tais jogos para tirar proveito deste novo contexto. Isto tornou os jogos mais desafiadores e interessantes, o que explora as habilidades estratégicas dos participantes.

A evolução dos eSports tornou os videogames semelhantes aos esportes tradicionais, com equipes e competições seguindo regulamentos pré-definidos. Paralelamente, surgiu um público que acompanha à essas competições, muito parecido com os esportes tradicionais. Trata-se, portanto, tanto de um entretenimento quanto de um grande negócio.

O primeiro grande torneio de eSports foi realizado em 1997, denominado por Red Annihilation, com o jogo Quake, uma franquia de jogos de tiro em primeira pessoa desenvolvido pela empresa id Software. Esse foi um passo marcante para o estabelecimento de organizações dedicadas ao novo esporte.

Quake 2
Quake 2 / foto: id Software

Desde então, muitos outros jogos foram adicionados à lista de jogos competitivos, que promovem competições cada vez maiores, incluindo games como: Counter-Strike, FIFA, League of Legends e Starcraft.

Afinal, os jogos competitivos são emocionantes e envolventes, e muitos fãs se identificam com seus jogadores favoritos. Adicionado a isso, a pandemia de COVID-19 aumentou ainda mais a demanda por eSports, já que muitos eventos esportivos tradicionais foram cancelados ou adiados.

A Dinâmica dos Esportes Eletrônicos

Os mais comuns tipos de partidas dão-se por embates que podem ser do tipo estratégia, tiroteio ou simuladores.

No Brasil, a Confederação Brasileira de Esports estabelece critérios para campeonatos profissionais. Para ser reconhecido, o evento deve possuir um website próprio, estruturar os jogos e ter uma estação de difusão reconhecida para o evento.

As equipes e jogadores profissionais dependem do marketing para compor sua renda, não se limitando a apenas aos bons prêmios dados aos vencedores. Também incrementam suas receitas por meio de patrocínios e vendas de produtos personalizados.

Até alguns clubes de futebol têm suas equipes esportivas para diferentes jogos, como o League of Legends. Exemplos de tais clubes incluem: Manchester City, Paris Saint Germain, Wolfsburg e o Santos.

Os Games Preferidos pelos Jogadores

Counter-Strike

Este jogo de tiro em primeira pessoa não é apenas um jogo qualquer, é uma sensação dos esports que tomou o mundo com grande apreciação. Com duas equipes - terroristas e contraterroristas -, o game exige jogabilidade estratégica e reflexos rápidos. Os terroristas têm uma bomba para explodir em um local ou sequestrar reféns, e os contraterroristas devem detê-los a todo custo, até a eliminação total de uma das equipes adversária.

Este jogo de ação baseado em equipes tornou-se em um fenômeno global, e não é surpreendente que o jogo tenha se tornado imediatamente o game de ação para PC mais praticado em todo o mundo, após seu lançamento em agosto de 1999. A franquia conta om mais de 25 milhões de cópias vendidas.

Counter Strike
Counter-Strike GO / foto: Paddymazz
FIFA 2023

FIFA, o popular game produzido pela EA Sports, com seu retrato realista das partidas de futebol e a semelhança dos atletas virtuais com seus atletas da vida real, conquistou os corações dos mais variados tipos de jogadores.

O jogo é tão popular que a EA Sports organiza um campeonato mundial a cada ano, no qual os participantes se qualificam em um circuito profissional realizado ao longo de toda a temporada.

E a inclusão do mundo masculino e feminino no jogo só aumentou a excitação. Portanto, prepare-se para experimentar o jogo do mundo como nunca.

FIFA 2023
FIFA 23 / foto: Electronic Arts

 Dota 2 e League of Legends

Jogos como o Dota 2 e o League of Legends chamaram a atenção de milhões de jogadores, que passam incontáveis horas aperfeiçoando suas habilidades e percorrendo o cenário para se tornarem os melhores do mundo.

No Dota 2, os jogadores controlam um herói que começa no nível 1 e pode chegar ao nível 25 à medida que acumula pontos de experiência.

The International 2018, um dos campeonatos mundiais de Dota 2, disponobiçizou um prêmio de US$10,8 milhões de dólares somente ao time campeão, tornando-o um dos maiores eventos da história do esports.

Jogo Dota 2
Jogo Dota 2 / foto: Valve

Já o League of Legends é outro jogo popular que tem uma dinâmica semelhante ao Dota 2. É um RPG (Role Played Game ou, somente, Jogo de Interpretação, em tradução livre) cheio de ação, desenvolvido pela Digital Sun e para todos os fãs de esports.

O jogo se passa no reino de Demacia, onde os Mageseekers detêm todo o poder. Eles usam sua autoridade para suprimir usuários mágicos em nome da ordem pública, jogando-os na prisão ou forçando-os a se esconderem.

O enredo do jogo é sombrio e imersivo, e os gráficos são nada menos do que deslumbrantes.

League of Legends
League of Legends / foto: Riot Games

Prêmios e Reconhecimentos do eSportes

O mundo do eSports não só está ganhando popularidade como também está se tornando uma opção de carreira lucrativa para os gamers. É um mito que os atletas só ganham altos salários em esportes comuns, como o futebol.

De acordo com uma pesquisa recente, realizada pela Sportv, há 125 jogadores profissionais de League of Legends no Brasil que ganham um total médio de R$15 mil mensalmente.

Nos EUA, o salário médio anual dos jogadores profissionais é de US$64.167,00, que é convertido totaliza fantásticos R$343.043,35. É incrível ver como os esports evoluíram de um simples hobby para uma profissão em tempo integral e recebendo uma renda de saltar aos olhos.

Consoante com o site Esports Earnings, Dota 2 foi o game com a maior recompensa aos vitoriosos dos torneios de esports em 2021. A organização premiou os participantes em mais de US$47 milhões, confirmando o prestígio, investimentos e retornos dessa recente e indubitavelmente meteórica modalidade.

Competição de Eports
Competição de Eports / foto: Forbes

Com a expoente popularidade e a crescente base de fãs, os esports estão prontos para testemunhar mais crescimento e sucesso pelos próximos anos.

Compartilhar Facebook Compartilhar WhatsApp Compartilhar Telegram